Senadores republicanos obstruem aprovação de Brennan para dirigir CIA

Um grupo de senadores do Partido Republicano usaram discursos longos para obstruir ontem a votação que aprovaria o nome de John Brennan para a direção da CIA. O representante da ala libertária Rand Paul falou por mais de três horas para evitar que a votação começasse. "Eu falarei até que não consiga mais falar. Falarei o quanto for necessário até que soe o alarme de costa a costa sobre a importância da nossa Constituição", declarou. O protesto dos republicanos teve como justificativa central o uso de aeronaves não tripuladas (drones) para ataques contra suspeitos americanos em território estrangeiro. Brennan, que chefiou as políticas antiterror de Washington, é acusado de chefiar os planos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.