Seqüestradores começam a matar reféns em teatro russo

Os rebeldes chechenos que mantém centenas de reféns em um teatro de Moscou começaram a matar os cativos, informaram agências de notícias russas na manhã deste sábado (hora local), após uma série de explosões e tiroteios terem sido ouvida na área.Tropas de elite do Exército russo foram enviadas ao local para resgatar os reféns, informou o porta-voz do Serviço de Segurança Federal, Sergei Ignatchenko, citado pela agência de notícias Interfax. Duas mulheres foram libertadas, disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.