"Será duro e difícil retirar Saddam do poder", diz Blair

O primeiro-ministro britânico, Tony Blair, disse nesta sexta-feira que tirar o presidente iraquiano, Saddam Hussein, do poder será ?duro e difícil?. ?Quando há vários serviços de segurança reprimindo a população local é difícil que um governo simplesmente entregue o poder e vá embora?, disse Blair em uma entrevista dada à rádio britânica BBC, na manhã desta sexta-feira em Londres.?A coalizão sempre soube que enfrentaria momentos duros e difíceis, mas em apenas nove dias de conflito as tropas já cumpriram muitas metas?, salientou. O primeiro-ministro chegou está manhã em Londres após dois dias de conversações nos Estados Unidos com o presidente norte-americano, George W. Bush, e com o secretário-geral das Nações Unidas, Kofi Annan, sobre a guerra contra o Iraque e os planos do pós-guerra. Veja o especial :

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.