Serviço de inteligência dos EUA mostra maquete de mansão de Bin Laden

Construído em seis semanas pela Agência Nacional de Inteligência Geoespacial, o modelo foi exibido no Pentágono

AFP,

17 Maio 2012 | 12h04

WASHINGTON - Os serviços de inteligência dos Estados Unidos divulgaram uma maquete do esconderijo de Osama bin Laden no Paquistão, que permitiu que o país planejasse a operação que matou o chefe da Al-Qaeda há pouco mais de um ano.

Veja também:

linkCIA diz que evitou suposto ataque da Al-Qaeda

linkEstados Unidos liberam documentos encontrados em complexo de Bin Laden

A maquete da casa de Abbottabad, no norte do Paquistão, foi exibida nos corredores do Pentágono nesta quarta-feira, 16, atraindo olhares fascinados de soldados e funcionários, que observavam a representação em miniatura do famoso complexo que escondeu o terrorista por cinco anos.

Veja fotos da maquete:

Os campos dos arredores da residência foram feitos com argila e os muros, com espuma de poliestireno.

O modelo foi construído em seis semanas por um grupo de trabalho da Agência Nacional de Inteligência Geoespacial, que obteve as imagens por satélite.

A Agência já havia exposto o material na sede dela, na Virgínia desde outubro, disse a porta-voz da agência, Erica Fouche. Mas "essa é a primeira vez que a maquete está fora do edifício. Embora não esteja mais classificado como 'ultra-secreto' há um tempo, acabamos de torná-la acessível ao público".

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.