Servidor recebeu CD da missão de Cuba

A Secretaria-Geral da Presidência confirmou ontem que o servidor Ricardo Augusto Poppi Martins, que regressou ontem ao trabalho após passar sete dias em Cuba, esteve na embaixada cubana em Brasília para tirar seu visto e "foi convidado por um funcionário da embaixada a participar de reunião na qual foi abordada a política migratória de Cuba e a vinda da blogueira Yoani Sánchez ao Brasil". Na ocasião, ele também "recebeu um CD com informações sobre Yoani, do qual não fez nenhum uso". A secretaria não informou o conteúdo do CD. Segundo a revista Veja, Martins teria participado de um suposto plano de espionagem e de divulgação de um dossiê contra a blogueira. A secretaria nega.

O Estado de S.Paulo

19 de fevereiro de 2013 | 02h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.