Sete países têm arsenal

A primeira tentativa de proibir armas químicas, utilizadas em larga escala na 1.ª Guerra (1914-1918) ocorreu em 1925, com o Protocolo de Genebra, que bania gases venenosos em conflitos armados. Em de 1968, começou um esforço para formatar um acordo na ONU. Um grupo de 18 países começou a organizar a Conferência de Desarmamento de 1984. O texto da convenção só foi submetido à Assembleia-Geral da ONU em 1992 e ficou aberto à adesão até 1997, quando entrou em vigor. Sete países estão fora: Israel, Egito, Mianmar, Angola, Coreia do Norte, Sudão do Sul e Síria.

O Estado de S.Paulo

14 Setembro 2013 | 02h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.