Sete policiais são presos na Colômbia por desvio de cocaína

A polícia colombiana foi tomada por um novo escândalo de corrupção, desta vez provocado pela captura de um agente que escondia um quilo de cocaína que fazia parte de um carregamento de 2,6 toneladas que foi incinerado na semana passada. Segundo o diretor da polícia nacional, general Jorge Daniel Castro, uma ordem de prisão foi emitida contra um capitão e seis policiais que supostamente destruíram a droga. Castro disse que não se sabe ainda quanta cocaína foi subtraída do carregamento antes de sua incineração. Vários casos de desaparecimento de drogas apreendidas pela polícia foram registrados na Colômbia nos últimos tempos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.