Sete soldados russos morrem em ataques na Chechênia

Pelo menos sete soldados russos e um policial local morreram em explosões de minas terrestres, tiroteios e ataques rebeldes promovidos durante as últimas 24 horas na conturbada república da Chechênia, informou neste domingo uma fonte ligada à administração chechena pró-Rússia. Em resposta às constantes ações de militantes separatistas chechenos, as forças russas bombardearam supostos esconderijos dos rebeldes nas regiões de Vedeno, Nozhai-Yurt, Kurchaloi e Gudermes. Enquanto isso, operações de busca e apreensão promovidas pelo Exército russo resultaram na prisão de pelo menos 180 suspeitos de ligação com os rebeldes durante as últimas 24 horas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.