Sete talibãs morrem em incidentes no Afeganistão

Cinco guerrilheiros talibãs morreram neste domingo em conseqüência de um ataque aéreo das forças da Otan no sul do Afeganistão, enquanto outros dois perderam a vida pela explosão de uma bomba que manipulavam.Segundo um porta-voz do Ministério do Interior afegão, a operação aérea teve lugar no distrito de Gramsir, na província de Helmand, e nela morreram cinco talibãs, dois de nacionalidade paquistanesa.Em outro incidente ocorrido no distrito de Girishk, na mesma província, dois terroristas que estavam manipulando uma bomba colocada em uma estrada após sua explosão.Por outro lado, forças da Isaf (Força para a Assistência à Segurança no Afeganistão) capturaram ontem à noite cinco supostos talibãs na província de Nangarhar, durante uma operação em que não ocorreram confrontos.Além disso, forças do Exército do Afeganistão detectaram e desativaram explosivos que estavam camuflados numa bicicleta encostada junto a uma mesquita da província de Khost.Durante 2006, cerca de 4.000 pessoas perderam a vida no Afeganistão, a maioria delas guerrilheiros talibãs - um número que quadruplica a estatística do ano passado.

Agencia Estado,

25 de dezembro de 2006 | 03h28

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.