Seul analisa indícios de segundo teste nuclear norte-coreano

Seul tem indícios de que o regime comunista da Coréia do Norte poderia estar preparando um segundo teste nuclear, mas está analisando as informações com cautela, disse um funcionário do governo à agência sul-coreana Yonhap. "Somos muito prudentes na hora de analisar a informação sobre a Coréia do Norte procedente de serviços de inteligência", afirmou a fonte citada pela agência de notícias. Notícias procedentes dos Estados Unidos indicaram movimentos suspeitos de caminhões detectados por satélites espiões americanos. Segundo a agência, porém, o representante sul-coreano explicou que os movimentos estranhos poderiam ser manobras militares. A fonte ressaltou que EUA e Coréia do Sul reforçaram o intercâmbio de informação sobre a Coréia do Norte. Dois canais de televisão americanos informaram sobre movimentos incomuns de veículos e pessoas numa área próxima à do primeiro teste nuclear norte-coreano, realizado no dia 9 de outubro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.