Seul realiza hoje funeral de ex-presidente

O funeral do ex-presidente sul-coreano Roh Moo-hyun (2003-2008) será realizado hoje em Seul, seis dias após ele cometer suicídio pulando de um penhasco perto de sua casa. Segundosua vontade, Roh será cremado. Dezenas de milhares de pessoasvisitaram ontem o memorial onde Roh estava sendo velado.Em uma nota de suicídio, o ex-líder escreveu: ''Várias pessoassofreram por minha causa. O resto de minha vida seria um peso.''A promotoria investigava Roh, de 62 anos, por supostamente terrecebido US$ 6 milhões em subornos durante seu governo. Seusuicídio chocou a nação, que estava dividida durante sua presidência entre críticos de sua política contraria ao status quo e os que defendiam seus esforços para promover a democracia e aproximar-se da Coreia do Norte.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.