Sharon abre os olhos ao ouvir voz do neto, dizem familiares

O primeiro-ministro de Israel, Ariel Sharon, abriu os olhos pela primeira vez desde o grave derrame sofrido em 4 de janeiro. A informação foi dada pelo site do jornal Yediot Ahronot, nesta segunda-feira. Segundo a notícia, Sharon teria movimentado as pálpebras e aberto os olhos e, logo depois, tornado a fechá-los, ao ouvir a gravação da voz de seu neto, conforme afirmaram parentes.Os médicos se mantêm cautelosos e, por enquanto não fizeram comentários sobre esta reação de Sharon. Em comunicado para a imprensa, a porta-voz do centro médico, Yael Bossem-Levy, afirmou que não havia mudanças no estado de Sharon e que os parentes que o acompanham tiveram "a impressão de que movimentou os olhos".A porta-voz destacou que é precipitado comentar o significado médico deste fato, que ainda não foi esclarecido.Segundo algumas fontes citadas por meios de comunicação locais o premier teriam ainda deixado cair uma lágrima.Fontes do Hospital Hadassah asseguram que caso tal acontecimento tivesse ocorrido já teriam informado à imprensa e se fosse repetido várias vezes seria um sinal de que Sharon retorna à consciência, após ter estado em uma situação de coma induzido desde que foi hospitalizado, após sofrer um derrame cerebral.O primeiro-ministro foi submetido ontem à noite a uma traqueostomia, sob efeito de anestesia geral, a fim de evitar infecções no sistema respiratório.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.