Sharon ameaça Arafat

O primeiro-ministro de Israel, Ariel Sharon, ameaçou o líder da Autoridade Palestina, Yasser Arafat, em entrevista publicada nesta sexta-feira, declarando que Arafat não possui "seguro de vida". Sharon concedeu uma série de entrevistas para marcar o feriado judaico da Páscoa, na próxima semana. Na TV, Sharon disse ser possível que Israel tome alguma atitude contra Arafat no futuro. Sharon disse ainda, em outra entrevista, que "Arafat não deve se sentir seguro em seu abrigo". Sharon teria dito ainda que "hoje, todos sabem que Arafat é o obstáculo para qualquer progresso". Sobre sua política de retirada da Faixa de Gaza e da Cisjordânia, Sharon disse haver necessidade de fazê-lo, para que os israelenses não sejam responsabilizados pelo que ocorre por lá. Sharon está tentando convencer rebeldes dentro de seu próprio partido, o Likud, para que apóiem o plano de retirada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.