Sheikh Hasina é empossada premiê de Bangladesh

A primeira-ministra do Bangladesh, Sheikh Hasina, foi empossada neste domingo para um terceiro mandato no cargo, após uma eleição marcada por uma onda de violência no país e boicote da oposição.

AE, Agência Estado

12 de janeiro de 2014 | 09h01

O presidente de Bangladesh, Abdul Hamid, conduziu o juramento no palácio presidencial na capital Daca, em uma cerimônia transmitida pela televisão. "Eu, Sheikh Hasina, juro... que eu vou cumprir o dever fielmente como primeira-ministra do governo de acordo com a lei", disse a autoridade sob aplausos da plateia.

O gabinete de 48 membros de Hasina também foi empossado durante a cerimônia, que contou com cerca de 1.000 pessoas do governo e altos oficiais militares, juntamente com diplomatas estrangeiros e membros do Parlamento.

Hasina tem insistido que sua vitória nas eleições de 5 de janeiro é legítima, apesar do boicote à votação feita pela oposição. A onda de violência no dia das eleições deixou vários mortos.

O partido Liga Awami de Hasina obteve quase 80% dos assentos no Parlamento, o que deve permitir que ela governe por mais cinco anos. Mas analistas dizem que o novo governo pode ter curta duração, uma vez que Hasina enfrenta uma profunda crise política. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Bangladeshpolítica

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.