EFE
EFE

'Sinto dor. Não há justificativa para isso', diz o papa Francisco

À TV do Vaticano, pontífice diz: 'estou muito próximo ao povo francês, tão amado, estou perto dos familiares das vítimas e rezo por todos eles'

O Estado de S. Paulo

14 de novembro de 2015 | 11h32

VATICANO - O papa Francisco disse neste sábado,14, que os atentados de Paris "não têm justificativa nem religiosa nem humana", em uma breve declaração feita ao canal de televisão "TV200", da Conferência Episcopal Italiana.

"Estou comovido e sinto dor. Não entendo estas coisas, são difíceis de entender, feitas por seres humanos. Por isso estou comovido", declarou o pontífice por telefone.

"Estou muito próximo ao povo francês, tão amado, estou perto dos familiares das vítimas e rezo por todos eles", afirmou Francisco na entrevista.

Perguntado se os ataques de Paris são uma amostra da "guerra mundial por partes" da qual falou em repetidas ocasiões, o papa respondeu: "Esse é um pedaço, não há justificativas para estas coisas". / EFE

Tudo o que sabemos sobre:
Papa FranciscoAtentados em Paris

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.