Abir Sultan/Efe
Abir Sultan/Efe

Sirenes de alerta para ataques aéreos soam em Jerusalém

Hamas dizem ter lançado um foguete em direção à cidade sagrada nesta sexta-feira

estadão.com.br,

16 de novembro de 2012 | 13h18

JERUSALÉM - Sirenes que alertam para ataques aéreos soaram em Jerusalém nesta sexta-feira, 16, enquanto o Hamas reivindicava a autoria do lançamento de um foguete Qassam em direção à cidade sagrada. De acordo com a Rádio do Exército de Israel, o alerta sonoro abrangeu outras cidades israelenses, próximas a Jerusalém.

Ainda nesta sexta-feira, uma emissora de televisão israelense informou que três foguetes Fajr-5 atingiram áreas povoadas, perto da cidade sagrada.

Na quinta-feira, sirenes de ataque aéreo soaram em Tel-Aviv, levando moradores a correr em busca de abrigo. Dois mísseis de longo alcance explodiram ao sul da metrópole, sem causar danos, disse a polícia, mas abalando os 40% dos israelenses que, até agora, viviam em segurança fora do alcance da zona de foguetes ao sul.

Mortes

Os 21 palestinos mortos incluem oito militantes e 13 civis, entre eles sete crianças e uma mulher grávida. Um foguete do Hamas matou três civis israelenses ao norte da Faixa de Gaza, entre homens e mulheres com cerca de 30 anos.

A última guerra entre os dois lados, uma blitz aérea israelense que durou três semanas e uma invasão por terra durante o período de Ano Novo de 2008-2009, deixou mais de 1.400 palestinos mortos, a maioria civis, e matou 13 israelenses.  

Com Efe e Reuters

 
Tudo o que sabemos sobre:
JerusalémGazaIsraelPalestinaHamas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.