Síria coopera 'plenamente' com desarmamento

A Síria tem cooperado plenamente com a destruição de seu arsenal químico, avaliou hoje a chefe da missão conjunta de inspeção da Organização para a Proibição de Armas Químicas (Opaq) e das Nações Unidas, Sigfrid Kaag.

AE, Agência Estado

22 de outubro de 2013 | 15h05

"Até agora, o governo da Síria vem cooperando plenamente com o trabalho da equipe avançada e com a missão conjunta da Opaq e da ONU", declarou Sigfrid em Damasco.

Segundo ela, "ao aderir à Convenção de Armas Químicas, o governo sírio indicou seu comprometimento" com a destruição do arsenal.

Inspetores da Opaq e da ONU chegaram à Síria no início do mês para supervisionar a implementação da resolução 2118 do Conselho de Segurança (CS) das Nações Unidas, que ordena a destruição do arsenal e das instalações de produção de armas químicas da Síria até meados do ano que vem. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Síriaarmas químicasONUOpaq

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.