Síria detém 3 franceses que iriam lutar no Iraque

Três franceses que pretendiam infiltrar-se no Iraque para combater com o grupo terrorista Al Qaeda foram detidos na Síria no dia 20 outubro, segundo fontes dos serviços secretos franceses citadas neste sábado pelo jornal Le Parisien. Trata-se de três homens de 18, 20 e 34 anos oriundos do centro da França, de onde saíram em outubro. Um deles era aluno de engenharia em um prestigioso centro de ensino técnico de Paris, indicou o jornal. Segundo os primeiros elementos da investigação, os três, atualmente em uma prisão de Damasco, poderiam ser extraditados para a França, onde integravam um movimento fundamentalista islâmico conhecido por suas derivações terroristas. Na tentativa de entrada no Iraque, os três não utilizaram nenhuma das redes identificadas pela Direção de Vigilância do Território, a contra-espionagem francesa. Os serviços secretos sabem que vários grupos de franceses entraram no Iraque para se unir aos combatentes fundamentalistas islâmicos, como o conhecido grupo do distrito 19 de Paris.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.