Síria e Arábia são contra ataque dos EUA ao Iraque

A Síria e a Arábia Saudita, parceiros dos Estados Unidos no Oriente, declaram hoje que "são contra qualquer agressão a qualquer Estado árabe e contra a guerra e apóiam as soluções políticas e diplomáticas". A declaração sobre o Iraque, emitida pela embaixada saudita na capital síria Damasco, ocorreu pouco antes da reunião entre o presidente sírio, Bashar Assad, com o príncipe herdeiro da coroa saudita, Abdullah, na cidade saudita de Jiddah. A Arábia Saudita declarou que não permitirá que os EUA usem seu território para um ataque contra o Iraque.

Agencia Estado,

26 Agosto 2002 | 15h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.