Síria: exército e rebeldes se enfrentam após cessar-fogo

Confrontos entre o exército sírio e combatentes rebeldes irromperam hoje, pela primeira vez desde o cessar-fogo negociado pela ONU e a Liga Árabe, e que havia entrado em vigor um dia antes.

DOW JONES, Agência Estado

13 de abril de 2012 | 04h37

"Lutas com metralhadoras pesadas ocorreram em Khirbet al-Joz, localizada na fronteira com a Turquia, entre soldados do regime e desertores (do exército)", afirmou Rami Abdel Rahman, do Observatório Sírio para os Direitos Humanos em Beirute.

A ONU admite que o regime de Bashar Assad não implementou por completo o frágil acordo de cessar-fogo como havia prometido. Mas, para evitar uma guerra, ainda aposta no acordo e deve aprovar hoje o envio de tropas internacionais de paz para monitorar os dois lados.

Tudo o que sabemos sobre:
Síriaexércitorebeldescessar-fogo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.