Síria não negocia seriamente, diz ministro alemão

O governo da Síria não está sério sobre as negociações de paz, afirmou o ministro de Relações Exteriores da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier, após a última rodada de conversas falhar em alcançar um acordo.

AE, Agência Estado

16 de fevereiro de 2014 | 20h32

Em comunicado, o ministro disse que o fracasso mostra mais uma vez que o presidente sírio Bashar Assad e seus apoiadores "não estão seriamente interessados nas negociações". Steinmeier ainda disse que as autoridades sírias estão apenas interessadas "em se consolidar no poder".

O ministro alemão pediu que o Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) adote uma resolução para acabar com os crimes de guerra na Síria. A segunda rodada de negociações entre o regime sírio e a oposição fracassou no sábado, em Genebra, e não há data marcada para uma terceira rodada. O Reino Unido, a França e os EUA, que apoiam a coalizão de oposição ao regime de Bashar Assad, culparam o governo sírio pelo fracasso das negociações. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Sírianegociaçõesalemanha

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.