Síria: Potências estão próximas de acordo na ONU

Os cinco membros permanentes do Conselho de Segurança (CS) da Organização das Nações Unidas (ONU) aparentemente chegaram a um acordo em torno dos termos de uma resolução sobre o desmantelamento dos arsenais químicos da Síria, disseram diplomatas.

AE, Agência Estado

26 Setembro 2013 | 13h05

A informação vem à tona depois de o vice-chanceler russo, Sergei Ryabkov, ter dito que os negociadores haviam superado um grande obstáculo e concordado em incluir uma menção ao Capítulo 7 da Carta da ONU, que prevê a possibilidade de ações militares e sanções em caso de descumprimento da resolução.

Os cinco países com poder de veto do CS da ONU (China, Estados Unidos, França, Reino Unido e Rússia) discutem há semanas os termos de uma nova resolução para que o arsenal químico sírio seja colocado sob controle internacional para posterior desmantelamento.

EUA e Rússia divergiam sobre os termos para garantir a implementação da resolução.

Hoje, o governo russo ofereceu o envio de soldados para proteger os locais onde as armas químicas da Síria serão destruídas. Fonte: Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.