Síria promete anistia a quem entregar armas

O Ministério de Interior da Síria anunciou hoje uma anistia para todos os rebeldes que entregarem suas armas até 12 de novembro. O comunicado foi feito por intermédio da televisão estatal síria.

Agência Estado

04 de novembro de 2011 | 11h09

"O Ministério de Interior convida a todos aqueles que têm armas e também aqueles que venderam, distribuíram, compraram ou financiaram armas e não cometeram nenhum crime que se apresentem e entreguem suas armas na delegacia de polícia mais próxima a partir de amanhã até 12 de novembro", dizia o anúncio.

Os cidadãos que atenderem ao chamado "serão liberados e anistiados", assegurou o governo. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Síriapolíticaanistia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.