Sírios cruzam fronteira com Líbano

Centenas de sírios cruzaram a fronteira com o Líbano neste sábado para fugir da onda de violência que tomou a Síria desde que teve início a série de protestos contra o regime do presidente Bashar Assad, há oito semanas, informaram oficiais de segurança libaneses.

AE-AP/DOW JONES, Agência Estado

14 de maio de 2011 | 10h40

Na cidade fronteiriça de Talkalakh, de onde os sírios estão fugindo, pelo menos três pessoas foram mortas hoje por tiros disparados por soldados do governo, segundo uma testemunha. Várias outras teriam ficado feridas.

Mais de 500 pessoas, em sua maioria mulheres e crianças, atravessaram neste sábado a fronteira a partir de Talkalakh, elevando para mais de 5 mil o número de sírios que fugiram para o Líbano nas últimas semanas.

Grupos de direitos humanos calculam que mais de 775 pessoas morreram na Síria desde o início do movimento popular, em meados de março. Apenas ontem, pelo menos seis manifestantes foram mortos em conflitos com forças de segurança. As informações são da Associated Press e Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Síriafronteiramortes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.