Mike Segar/Reuters
Mike Segar/Reuters

Site do programa Obamacare deve ser relançado neste sábado

Americanos poderão comprar seguros-saúde pelo portal como parte da Lei de Serviços de Saúde Acessíveis

Agência Estado

29 de novembro de 2013 | 09h33

O governo do presidente Barack Obama aguarda com ansiedade a data para o relançamento do site para a compra de seguros-saúde pelos americanos, o que deve ocorrer neste sábado. O portal healthcare.gov, parte da Lei de Serviços de Saúde Acessíveis, também conhecida como Obamacare, vem apresentando vários problemas desde que entrou em funcionamento, no dia 1º de outubro.

O site deveria ter sido relançado uma semana antes, mas novos problemas fizeram com que a data fosse postergada.

Mesmo se o relançamento permitir que os americanos comprem seus planos de saúde de acordo com as diretrizes da lei, os que trabalham em empresas pequenas não poderão se beneficiar das regras. Na quarta-feira 27, foi anunciado que empresas pequenas que queiram comprar seguros-saúde para seus funcionários terão de entrar em contato com uma empresa ou agente de seguros. O uso do site do governo nesses casos só será possível daqui a um ano.

Os problemas com a implementação da lei têm afetado a popularidade do presidente e preocupando políticos do partido Democrata que temem que as informações negativas a respeito do projeto afetem suas chances de reeleição em 2014.

O projeto é considerado a maior reformulação no setor de saúde americano desde a década de 1960 e tem como objetivo garantir cobertura de atendimento médico para os estimados 15% da população que não têm acesso ao serviço.

Mais conteúdo sobre:
EUAObamacareBarack Obama

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.