Site palestino cria baralho com israelenses procurados

Primeiro foram os EUA, depois a mídia israelense, agora os militantes palestinos: o jogo sinistro de estampar a cara dos inimigos num baralho virou moda. Um website pró-palestinos chamado Palestine Information Center, que freqüentemente apresenta declarações do grupo Hamas, mostrou neste domingo uma imagem de 16 cartas, cada uma com o rosto de um líder de Israel e a palavra ?Procurado?.O primeiro-ministro Ariel Sharon é o curinga, e aparece colocado entre dois homens encapuzados que apontam rifles para sua cabeça. Um ?X? vermelho cobre a figura do rei de copas - o ex-ministro do Turismo Rehavam Zeevi, assassinato em outubro de 2001.No início da guerra no Iraque, os EUA produziram um baralho com os 55 iraquianos mais procurados; em imitação, o jornal israelense Maariv publicou uma página, em 22 de agosto, com um baralho de 34 militantes palestinos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.