Situação de Fukushima é estável, diz premiê

O premiê do Japão, Yoshihiko Noda, afirmou ontem que a situação da usina nuclear de Fukushima, danificada pelo terremoto seguido de tsunami que devastou o país em março, é estável. Segundo Noda, a central atômica chegou ao estágio de "desligamento frio", considerado um passo crucial para que a interdição no entorno do local do acidente radioativo seja suspensa e o fechamento da usina ocorra.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.