Snowden precisa se decidir sobre asilo, diz Maduro

O ex-agente norte-americano Edward Snowden precisa tomar uma decisão e comunicar ao governo da Venezuela se aceita a oferta de asilo humanitário feita na semana passada pelo país sul-americano. A afirmação foi feita na noite de segunda-feira pelo presidente venezuelano, Nicolás Maduro.

AE, Agência Estado

09 de julho de 2013 | 02h01

"Ele vai precisar dizer quando quer voar para cá, caso realmente queira vir para a Venezuela", disse Maduro a jornalistas sem fornecer mais detalhes.

Na última sexta-feira, Maduro ofereceu asilo humanitário a Snowden, um ex-agente norte-americano responsável por vazar detalhes de dois programas ultrassecretos de espionagem eletrônica mantidos pelos Estados Unidos.

Snowden, de 30 anos, é agora acusado pelos EUA de espionagem e roubo de propriedade do governo. Ele fugiu primeiro para Hong Kong e, segundo autoridades russas, encontra-se atualmente na zona de trânsito de um aeroporto de Sheremetyevo, em Moscou. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
VenezuelaSnowdenMaduro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.