Sobe a 20 nº de casos de cólera em vizinho do Haiti

O número de casos de cólera registrados na República Dominicana subiu hoje a 20, após seis casos terem sido notificados no final de semana. O Ministério da Saúde do país detalhou que apenas dois dos enfermos chegaram do vizinho Haiti, onde a epidemia de cólera afetou a mais de 91 mil pessoas desde meados de outubro e provocou 2 mil mortes. Outro paciente é um motorista dominicano que costuma viajar regularmente ao Haiti.

AE, Agência Estado

06 de dezembro de 2010 | 19h56

Segundo os relatórios, os outros 17 pacientes contraíram o cólera sem terem saído de suas comunidades, em quatro das 32 províncias do país. Pelo menos seis dos novos casos foram registrados em um município pobre de Santo Domingo Leste, vizinho à capital dominicana, e 10 dos enfermos têm menos de 15 anos de idade. O Ministério disse que todos foram medicados e estão fora de risco.

Desde o começo da epidemia de cólera no Haiti, a República Dominicana estabeleceu medidas sanitárias para evitar a propagação da doença, que se transmite através do consumo de água e alimentos contaminados. As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.