Sobe aprovação de Cristina Kirchner após quatro anos

O nível de aprovação à presidente da Argentina, Cristina Kirchner, subiu em outubro, após quatro meses seguidos de queda, embora a maioria dos argentinos não considere que sua administração está tratando de suas principais preocupações.

CYNTHIA DECLOEDT, Agência Estado

04 de novembro de 2012 | 18h21

Segundo pesquisa da Management & Fit, divulgada este final de semana, cerca de 31,6% dos pesquisados aprovam a presidente, porcentual superior aos 30,6% de aprovação em setembro. O porcentual de aprovação à presidente estava em 64,1% em outubro de 2011, mês em que venceu as eleições para um segundo mandato.

O porcentual dos que reprovam a administração de Cristina subiu para 59,3% em outubro, de 29,4% um ano antes.

A Management & Fit entrevistou 2,1 mil pessoas, entre 18 e 29 de outubro, e a pesquisa tem uma margem de erro de 2,3%.

Tudo o que sabemos sobre:
ArgentinaCristina Kirchner

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.