Sobe para 17 número de mortos em desocupação

Mais dois corpos foram encontrados em Ybirá- Pitã, no departamento de Canindeyú, no Paraguai, palco de um confronto na sexta-feira entre policiais e sem-terra. Com isso, sobe para 17 o número de mortes no conflito. São 6 policiais mortos e 11 agricultores. Os camponeses ocupavam uma reserva florestal que pertence ao empresário paraguaio Blas Riquelme e se recusavam a sair do local. Ao cumprir a reintegração de posse, a polícia foi emboscada pelos agricultores. Os soldados reagiram e houve uma troca de tiros que durou 8 horas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.