Sobe para 43 o número de feridos em terremoto no Japão

O número de feridos no terremoto que atingiu a costa do Japão subiu para pelo menos 43, informaram autoridades locais. O tremor, que durou entre 30 e 40 segundos e teve magnitude preliminar de 6,8 graus na escala Richter, provocou deslizamentos de terra e blecautes, mas a Agência de Geologia do Japão informou que não há risco de tsunami (onda gigante). O terremoto submarino ocorreu 26 minutos após a meia noite de quinta-feira (horário local), 120 quilômetros sob a superfície do mar, ao longo da costa de Iwate. O tremor foi muito sentido no norte do Japão, onde 43 pessoas ficaram feridas, informou sob anonimato um funcionário da Agência Nacional de Polícia. A maioria sofreu ferimentos leves, corte e escoriações causados por copos quebrados e objetos que caíram de estantes e armários. Nenhum dos feridos corre risco de morte.O sistema ferroviário foi paralisado no norte do Japão para inspeção nos trilhos. O ministro de Desastres, Shinya Izumi, disse que o terremoto provocou um blecaute em algumas áreas em Iwate, deixando 6.700 lares sem eletricidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.