Sobe para 8 mortos em desabamento na Coreia do Sul

O telhado do auditório de um resort na Coreia do Sul desabou durante uma cerimônia de boas-vindas para calouros universitários. O acidente matou pelo menos oito estudantes e deixou 15 feridos, informaram autoridades. Acredita-se que mais de 10 pessoas estejam presas nos escombros. A forte queda de neve no local prejudica as operações de resgate.

Agência Estado

17 de fevereiro de 2014 | 14h32

Cinquenta e oito estudantes tiveram ferimentos leves após o desabamento, ocorrido na noite de segunda-feira (horário local), segundo um funcionário da Agência Nacional de Gerência de Emergências, que falou em condição de anonimato. Ele confirmou as oito mortes e disse que as equipes de resgatem temem que pelo menos 10 pessoas ainda estejam presas nos escombros, mas não forneceu mais detalhes sobre os feridos ou as operações de resgate.

Meios de comunicação sul-coreanos informaram que aparentemente o acúmulo de neve provocou o desabamento, mas as causas do acidente estão sob investigação.

O desabamento aconteceu quando cerca de 1.000 calouros da Universidade Busan para Estudos Externos se reuniram para receber orientações na cidade de Gyeongju, sudeste do país. Mais de 500 estavam no auditório quando o teto ruiu, disse a fonte da agência de emergências. Segundo ele, a maior parte dos estudantes conseguiu saiu do local por conta própria.

Gyeongju é uma cidade histórica que foi capital de um dos reinos da península coreana. Atualmente, é um popular destino turístico. Fonte: Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.