Sobrinha de Bush se recusa a desfilar com roupa árabe

Pelo segundo ano consecutivo, a modelo norte-americana Lauren Bush, sobrinha do presidente George Bush, deu "cano" no desfile da coleção outono-inverno da grife espanhola Toypes, em Barcelona, na noite de quinta-feira. E, nas duas vezes, o motivo da desistência foram os ataques terroristas de 11 de setembro. No ano passado, porém, Lauren desfalcou o elenco da Passarela Gaudí porque o desfile se realizou muito pouco tempo depois dos atentados. Neste ano, a jovem modelo, que tem 17 anos e é filha do governador da Flórida, Jeb Bush, fez um gesto político. A mãe de Lauren não permitiu que ela desfilasse uma coleção de modelos com evidente inspiração nas roupas tradicionais árabes - calças bufantes, túnicas, turbantes. Segundo o jornal espanhol La Vanguardia, a modelo chegou ao local do desfile, para a prova das roupas, sem saber que se tratava de uma coleção de inspiração arabesca: "Quando viu o estilo das peças, ainda por cima com música árabe na trilha sonora e até tapetes orientais ornamentando a passarela, a mãe decidiu que Lauren Bush não desfilaria."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.