Sobrinho de Saddam é detido tentando embarcar para o Brasil

A polícia libanesa prendeu na terça-feira, em Beirute, um sobrinho do ex-presidente Saddam Hussein, o iraquiano Bashar Sabawi Ibrahim al-Hassan, quando tentava embarcar em um vôo para o Brasil. Hassan é acusado de planejar ataques contra as forças de ocupação americanas no Iraque. Os informantes em Beirute disseram que Hassan foi detido no aeroporto quando se preparava para embarcar "num vôo para o Brasil". Na realidade, ele teria de fazer uma conexão em outra cidade, já que não há vôos diretos para o País. Ele chegou no Líbano através da Síria, onde teria entrado pela fronteira iraquiana, e foi preso com base num mandato internacional de busca de Hassan por terrorismo.Hassan seria filho de Sabawi Ibrahin al-Hassan, que está preso no Iraque, sob custódia americana. A informação, divulgada inicialmente por fontes no setor de segurança em Beirute, foi confirmada pelo primeiro-ministro iraquiano, Nuri al-Maliki. Ao comentar a prisão, o primeiro-ministro Maliki disse apenas que ele é acusado de crimes cometidos após a queda do governo de Saddam. O governo iraquiano e o comando militar americano atribuem boa parte dos atentados cometidos no Iraque a grupos formados por ex-membros das forças de segurança de Saddam ou de seu partido, o Baath, que foi proscrito depois da derrubada do regime.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.