Sobrinho de Saddam escapa de prisão no norte do Iraque

Um sobrinho do ex-ditador iraquiano Saddam Hussein, preso por cooperar com a insurgência, escapou neste sábado da prisão de Badush, no noroeste de Mossul, 400 quilômetros ao nortede Bagdá, segundo fontes da Polícia da província de Ninawa. As fontes disseram que Ayman Sabawai Ibrahim fugiu por volta das 16h (11h de Brasília) com a ajuda de um alto funcionário da penitenciária responsável pelos prisioneiros. A fonte comentou que o fugitivo tinha tentado, sem resultados, fugir em ocasiões anteriores.Um tribunal tinha sentenciado em dezembro de 2005 Sabawai à cadeia perpétua por colaborar com a insurgência e por posse e fabricação de explosivos.Sabawai, filho de Nayel Sabawai al-Hassan al-Tikriti, meio-irmão de Saddam e que ocupava o posto 35 na lista de responsáveis iraquianos mais procurados, tinha sido detido em 4 de maio de 2005, durante uma campanha de revistas lançada pela polícia no norte de Tikrit.Soldados MortosO comando militar americano anunciou também a morte de um soldado enquanto participava neste sábado de uma operação de combate na província de Al-Anbar. Horas antes, o Exército americano informou a morte de outro efetivo, e com isso o número de militares americanos mortos este mêssupera os 37.Em outro comunicado, o Exército americano informou que forças especiais do Exército iraquiano, com o apoio de conselheiros das forças da coalizão, capturaram neste sábado o suposto dirigente de um grupo armado que operava no bairro xiita de Cidade de Sadr.Segundo a nota, o detido é responsável por vários seqüestros, torturas e assassinatos. O suspeito está supostamente ligado à morte de cinco iraquianos este ano, após ter conseguido uma cofissão deles mediante tortura. Durante a operação, na qual ocorreu um tiroteio sem vítimas, foram também detidos outros cinco supostos membros do grupo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.