Socialistas podem perder maioria na Catalunha

Começa neste domingo o pleito para o parlamento na Catalunha, região rica e influente da Espanha. As eleições provavelmente vão retirar do poder o partido socialista, em uma ocorrência que pode ser um presságio para uma tendência nacional.

AE, Agência Estado

28 de novembro de 2010 | 12h51

Alguns dos 5,3 milhões de catalães que podem votar vão escolher os líderes regionais que devem assumir 135 cadeiras no parlamento. As pesquisas de opinião indicam uma mudança em direção aos partidos nacionalistas conservadores Convergência e União.

O partido do primeiro-ministro, José Luis Rodriguez Zapatero, deve sofrer perdas como reação à situação econômica, um resultado que pode ser espelhado nas eleições municipais e estaduais em maio.

Uma derrota para os socialistas, que têm governado por dois mandatos em uma coalizão com outros dois partidos, seria um revés para Zapatero que enfrenta eleição nacional em 2012. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EspanhaCatalunhaparlamentosocialistas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.