Solana pede a Israel e ANP que cumpram Mapa do Caminho

O alto representante de PolíticaExterna e Segurança Comum da União Européia (UE), Javier Solana,pediu nesta quinta-feira a israelenses e palestinos que cumpram o Mapa do Caminhoe iniciem um processo de paz para sair da estagnação em que seencontram há seis anos. "Há uma sensação de estagnação, nós desejamos nos movimentar parafrente, rumo ao diálogo, rumo à esperança", disse Solana ementrevista coletiva com a ministra de Assuntos Exteriores de Israel,Tzipi Livni. "Nós, da UE, agimos para estabilizar a região e a complicadasituação, a fim de alcançar uma situação melhor para os dois povos.Definitivamente: dois Estados para dois povos, que vivam em paz esegurança segundo os princípios do Mapa do Caminho", que foielaborado em 2003 pelo Quarteto de Madri. No segundo dia de sua atual viagem pela região, que esta tarde olevará a Ramala, Solana se reuniu hoje em Tel-Aviv com Livni edepois com o vice-primeiro-ministro Shimon Peres. O alto representante europeu assegurou que, do ponto de vista daUE, "o Mapa do Caminho continua vivo e tanto israelenses comopalestinos devem cumprir sua primeira fase".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.