Soldado australiano e um intérprete são mortos no Afeganistão

Desde o início da guerra no país, 23 membros do exército da Austrália morreram em conflito

Efe

20 de fevereiro de 2011 | 05h39

SIDNEY, AUSTRÁLIA - Um soldado australiano e um intérprete afegão morreram ao serem atingidos por disparos dos insurgentes talebans na região central do Afeganistão, indicaram neste domingo fontes oficiais.

O chefe do Exército australiano, Angus Houston, informou que o soldado Jamie Ronald Larcombe e seu intérprete morreram enquanto realizavam uma patrulha de reconhecimento no vale de Mirabab, na província de Uruzgan.

Desde que em 2001 começou a guerra, 23 soldados australianos morreram no conflito.

No começo deste mês morreu outro militar australiano, o cabo Richard Edward Atkinson, de 22 anos, na explosão de uma bomba enquanto patrulhava pela região sul do país, o primeiro do ano.

Cerca de 1.500 militares australianos foram destacados atualmente no Afeganistão, onde participam desde 2002 em operações de combate e formação das forças de segurança afegãs sob comando da Otan.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.