Soldado da Otan e talebans são mortos no Afeganistão

Um soldado da Força Internacional deAssistência à Segurança (Isaf), sob comando da Otan, e pelo menos 55 supostos talebans morreram em diferentes confrontos na província deUruzgan, no sul do Afeganistão, informou neste domingo o comando militar. O soldado da Otan, cuja nacionalidade não foi divulgada, morreu no sábado, quando o comboio no qual viajava foi atingido pela explosão de uma bomba, que feriu outros oito soldados, dois civis e um afegão, indicou a Isaf. No sábado, as tropas internacionais e do Exército afegão enfrentaram um grupo calculado entre 100 e 150 insurgentes perto da base da Isaf, localizada no distrito de Chora, província de Uruzgan. No ataque, que se prolongou por várias horas, houve pelo menos 55 baixas entre os rebeldes, informou um comunicado da Isaf emitido neste domingo. A província de Uruzgan, próxima a Helmand e Kandahar, se encontra na região meridional do país, onde os rebeldes talebans mantêm umaforça considerável. O local foi cenário da maior violência no Afeganistão durante os últimos meses.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.