Soldado dos EUA e policial iraquiano são mortos

Guerrilheiros mataram a tiros um soldado americano que guardava um posto de gasolina no norte do Iraque, e um policial iraquiano foi morto enquanto tentava desarmar uma bomba, informaram militares dos EUA. O ataque contra o soldado da 101ª Divisão Aerotransportada ocorreu em Mossul, 400 km ao norte de Bagdá. "Quatro homens num veículo pararam a cerca de 50 metros do posto e abriram fogo contra soldados da coalizão", relatou o general Mark Kimmitt. "Um soldado foi morto no ataque".No domingo, outro soldado da mesma divisão havia sido morto, e mais dois feridos, quando guerrilheiros detonaram uma bomba na beira de uma estrada em Mossul.Em Baquba, 60 km ao norte de Bagdá, a polícia iraquiana descobriu uma bomba perto do prédio governamental. O artefato explodiu quando um integrante do esquadrão de bombas tentava desarmá-lo. O policial foi morto, segundo Kimmitt.Desde a invasão do Iraque por forças lideradas pelos EUA em 20 de março, 445 soldados americanos já morreram no país. Destes, 308 foram mortos em ações hostis.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.