Soldado iraquiano morre em ataque a complexo americano

Um soldado iraquiano morreu nesta quarta-feira quando homens não identificados dispararam granadas propelidas por foguete a abriram fogo com armas de baixo calibre contra um complexo militar americano em uma cidade do norte do Iraque, informou o Exército dos Estados Unidos. Nenhum soldado americano morreu no ataque perpetrado por volta das 15h30 locais em Mosul, 400 quilômetros ao norte de Bagdá. Soldados americanos dispararam contra os agressores, que chegaram ao local em três carros, um dos quais era um taxi. Acredita-se que um dos agressores tenha ficado ferido, mas todos conseguiram fugir. Ainda em Mosul, soldados iraquianos e americanos detiveram 20 pessoas suspeitas de envolvimento em ataques contra militares dos Estados Unidos na região, informou o Exército.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.