Soldados da Al-Qaeda estão encurralados em Tora Bora

Com a ajuda de bombardeios aéreos e incursões lideradas por soldados americanos, forças tribais do Afeganistão disseram hoje que conseguiram encurralar nas montanhas de Tora Bora vários soldados da Al-Qaeda, rede terrorista liderada pelo saudita Osama bin Laden. As tropas afegãs disseram que centenas de integrantes da Al-Qaeda estão isolados no topo do monte de Enzeri Zur.Caças americanos, helicópteros e bombardeiros B-52 dos Estados Unidos sobrevoaram a região, tentando atacar os soldados da Al-Qaeda. As forças da rede terrorista, compostas por guerreiros árabes e outros muçulmanos de origem estrangeira, foram bloqueados e tiveram que recuar."Todos os membros da Al-Qaeda estão agora se reunindo no topo da montanha", disse Spin Jabarkhil, um comandante afegão. "Nosso objetivo agora é impedir que eles fujam para o Paquistão", disse Jabarkhil. Na fronteiro do Afeganistão, soldados paquistaneses foram enviados para as montanhas ao sul de Tora Bora para impedir que os combatentes da Al-Qaeda deixassem o país.Por enquanto, não há indícios de que Bin Laden, que supostamente estaria escondido nas cavernas de Tora Bora, esteja na região. Oficiais americanos acreditam que o terrorista saudita e o mulá Mohammed Omar, líder espiritual do Taleban, possam estar escondidos perto de Kandahar.O Taleban entregou a cidade de Kandahar para as forças de oposição na sexta-feira, e desde então o paradeiro do mulá Omar é desconhecido pelas autoridades afegãs e americanas.Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.