Soldados da Otan são feridos por tiros no Kosovo

Dois soldados da Otan foram baleados e oito mantenedores de paz austríacos ficaram feridos nesta segunda-feira no mais recente confronto com sérvios no norte do Kosovo que rejeitam a independência do enclave da Sérvia em 2008.

BRANISLAV KRSTIC, REUTERS

28 de novembro de 2011 | 18h27

O confronto começou quando os mantenedores de paz da Organização do Tratado do Atlântico Norte começaram a remover barricadas construídas por sérvios em julho, depois que o governo do Kosovo, liderado pela etnia albanesa, tentou enviar policiais à fronteira no norte, habitado principalmente por sérvios.

Diplomatas ocidentais advertem que o confronto poderá custar à Sérvia o status de país candidato oficial à União Europeia quando o bloco europeu de reunir, em 9 de dezembro.

Um porta-voz da Kfor, força da Otan de 6.250 integrantes no Kosovo, afirmou que dois soldados foram feridos "por armas de fogo usadas por manifestantes".

As Forças Armadas da Alemanha informaram que os soldados eram alemães, e fontes de segurança disseram que foram baleados no braço e na perna.

O Ministério da Defesa da Áustria afirmou que oito de seus mantenedores de paz foram feridos, dois deles gravemente, no confronto com manifestantes violentos.

Os mantenedores de paz lançaram gás lacrimogêneo, balas de borracha e canhões de água contra milhares de sérvios que tentaram distanciá-los das barricadas no vilarejo de Jagnjenica, alguns armados com paus e usando máscaras.

Funcionários de um hospital no norte do Kosovo disseram que haviam tratado pelo menos 12 sérvios com ferimentos provocados pelas balas de borracha.

O presidente sérvio pró-Ocidente, Boris Tadic, afirmou que a Otan e a UE eram obrigadas a manter a paz na região e convocou os líderes políticos sérvios no norte a controlar os "extremistas".

Noventa por cento da população de 1,7 milhão de pessoas no Kosovo são de etnia albanesa. Sérvios em um pequeno pedaço do norte, fronteira com a Sérvia, rejeitam a declaração de independência do Kosovo, em 2008.

(Reportagem adicional de Fatos Bytyci, em Pristina; e de Maria Sheahan, em Berlin)

Tudo o que sabemos sobre:
OTANKOSOVOSOLDADOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.