Soldados do Iêmen disparam contra manifestantes

Disparos deixaram vários mortos; protestos ocorreram na cidade de Taiz, sul do país.

BBC Brasil, BBC

30 de maio de 2011 | 15h24

Forças do governo do Iêmen teriam disparado em manifestantes contrários ao presidente Ali Abdullah Saleh na cidade de Taiz, no sul do país, deixando vários mortos, de acordo com testemunhas.

Os tiros teriam ocorrido depois que os centenas tomaram as ruas pedindo a saída do presidente.

As autoridades também usaram canhões d'água para dispersar o protesto.

Imagens de cinegrafista amador que teriam sido feitas na cidade parecem mostrar atiradores em cima de prédios, disparando e arremessando objetos contra os manifestantes.

Apesar da resposta violenta, a oposição ao presidente dá sinais de estar crescendo, e os protestos contra Ali Abdullah Saleh, no poder há mais de três décadas, se espalham pelo país.

Além da perspectiva de mais protestos, o presidente agora enfrenta a ameaça de tribos locais, militantes islâmicos e deserções dentro de seu governo.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.