Soldados israelenses matam palestina na Cisjordânia

Soldados israelenses mataram a tiros uma mulher palestina na manhã de segunda-feira em Tulkarem, norte da Cisjordânia, indicaram fontes palestinas de segurança.Eitas Yusef, de 41 anos, morreu, e suas duas filhas, de 22 e 20 anos, sofreram ferimentos leves quando os soldados abriram fogo contra uma casa que haviam cercado na cidade. Os soldados chegaram em cerca de 20 jipes.Uma fonte afirmou que "houve tiros quando os soldados prenderam em Tulkarem um alto membro da Jihad Islâmica (movimento islâmico radical) que não queria se render". Com este incidente, são 5.035 pessoas mortas - a maior parte delas palestinas - desde o começo da intifada em setembro de 2000.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.