Soldados israelenses vasculham quartel atrás de Arafat

Soldados israelenses invadiram o complexo que abriga o quartel-general de Yasser Arafat em Ramallah, na Cisjordânia, e vasculharam sala por sala em busca do líder palestino, passando pelos corredores e trocando tiros com guarda-costas no prédio onde Arafat refugiou-se numa sala sem janelas. Uma acusação anterior, feita por uma fonte palestina, de que os soldados israelenses entrararam na ala do prédio de três andares onde está Arafat não pôde ser confirmada. O Exército de Israel informou que o local onde se encontra o líder palestino não está ao alcance dos soldados. Funcionários palestinos disseram que o Exército cortou a eletricidade, destruiu um gerador e bloqueou as linhas telefônicas do edifício.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.