Soldados turcos matam 14 rebeldes curdos

O Exército da Turquia matou 14 rebeldes curdos em dois incidentes separados no sudeste da Turquia, informou nesta quinta-feira a agência de notícias Anatolia. Três soldados ficaram feridos. O primeiro choque ocorreu em Bingol, a cerca de 900 quilômetros de Ancara, quando soldados escoltados por aviões lançaram uma ofensiva contra militantes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK, por suas iniciais em curdo), atualmente conhecido como Kadek. A operação foi organizada com base em informações segundo as quais os guerrilheiros estariam procurando esconderijos para o inverno, prosseguiu a Anatolia. Doze rebeldes morreram e três soldados ficaram feridos. Citando o governador de Hatay, Abdulkadir Sari, a Anatolia informou que outros dois rebeldes morreram em choques numa área rural da província que faz fronteira com a Síria. Não há mais detalhes sobre esse incidente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.