Omar Faruk/Reuters
Omar Faruk/Reuters

Somália terá mulher nas Relações Exteriores pela 1ª vez

Fowsiyo Yusuf Haji Adan, natural da Somalilândia, foi indicada neste domingo pelo premiê Shirdon

AE, Agência Estado

04 de novembro de 2012 | 15h21

Texto atualizado às 16h09

 

MOGADÍSCIO, SOMÁLIA - O primeiro-ministro da Somália, Abdi Farah Shirdon, anunciou neste domingo, 4, os integrantes de seu novo governo, observando que uma mulher foi nomeada como ministra das Relações Exteriores pela primeira vez na história do país.

 

"Após longas discussões e consultas, nomeei meu gabinete, que consiste de apenas dez integrantes. Entre eles está uma mulher no cargo de ministra das Relações Exteriores pela primeira vez na história da Somália", afirmou.

 

A chanceler apontada por Shirdon é Fowsiyo Yusuf Haji Adan. Natural da região da Somalilândia, que se auto-declara independente, ela viveu, segundo a AFP, por "um longo tempo" na Grã-Bretanha.

 

As informações são da Dow Jones

Tudo o que sabemos sobre:
Somáliagovernoministros

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.