Soros doa verba para projeto de legalização da maconha

O bilionário George Soros fez uma doação de US$ 1 milhão para o projeto de legalização da maconha, que será votado em plebiscito no dia 2 de novembro, na Califórnia. A notícia da contribuição, divulgada hoje pelo jornal The Sacramento Bee, é a maior doação de uma pessoa física depois da feita pelo empreendedor de Oakland, Richard Lee, o principal patrocinador da proposta 19.

AE-AP, Agência Estado

26 de outubro de 2010 | 19h33

Soros foi um dos principais apoiadores financeiros da medida de 1996 que fez da Califórnia o primeiro Estado norte-americano a legalizar a maconha para uso médico. A doação foi feita um dia depois que a campanha pelo "sim" ter veiculado seu primeiro anúncio na televisão. Até agora, nenhum dos lados angariou grandes quantidades de dinheiro, embora os partidários da legalização superem os oponentes da medida.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.